FLOR-DE-LÓTUS


Silvia Rêgo: Embaixadora Planetária, Terapeuta Holística, Ufóloga  Astrônoma Técnica e Consultora Espiritual.
A flor-de-lótus (Nelumbo nucifera), também conhecida como lótus-egípcio, lótus-sagrado e lótus-da-índia, é uma planta da família das ninfáceas (mesma família da vitória-régia) nativa do sudeste da Ásia (Japão, Filipinas e Índia, principalmente).

Lótus é o símbolo da expansão espiritual, do sagrado, do puro.

A lenda budista nos relata que quando Siddhartha, que mais tarde se tornaria o Buda, tocou o solo e fez seus primeiros sete passos, sete flores de lótus cresceram. Assim, cada passo do Bodhisattva é um ato de expansão espiritual. 

Os Budas em meditação são representados sentados sobre flores de lótus, e a expansão da visão espiritual na meditação (dhyana) está simbolizada pelas flores de lótus completamente abertas, cujos centros e pétalas suportam imagens, atributos ou mantras de vários Budas e Boddhisattvas, de acordo com sua posição relativa e relação mútua.

Do mesmo modo, os centros da consciência no corpo humano (chacras) estão representados como flores de lótus, cujas cores correspondem ao seu caráter individual, enquanto o número de suas pétalas corresponde às suas funções.

O significado original deste simbolismo pode ser visto pela semelhança seguinte: 

Tal como a flor do lótus cresce da escuridão do lodo para a superfície da água, abrindo sua flores somente após ter-se erguido além da superfície, ficando imaculada de ambos, terra e água, que a nutriram - do mesmo modo a mente, nascida no corpo humano, expande suas verdadeiras qualidades (pétalas) após ter-se erguido dos fluidos turvos da paixão e da ignorância, e transforma o poder tenebroso da profundidade no puro néctar radiante da consciência Iluminada (bidhicitta), a incomparável jóia (mani) na flor de lótus (padma). Assim, o arahant (santo) cresce além deste mundo e o ultrapassa. 

Apesar de suas raízes estarem na profundidade sombria deste mundo, sua cabeça está erguida na totalidade da luz. Ele é a síntese viva do mais profundo e do mais elevado, da escuridão e da luz, do material e do imaterial, das limitações da individualidade e da universalidade ilimitada, do formado e do sem forma, do Samsara e do Nirvana.

Se o impulso para a luz não estivesse adormecido na semente profundamente escondida na escuridão da terra, o lótus não poderia se voltar em direção à luz. Se o impulso para uma maior consciência e conhecimento não estivesse adormecido mesmo no estado da mais profunda ignorância, nem mesmo num estado de completa inconsciência um Iluminado nunca poderia se erguer da escuridão do Samsara.

A semente da Iluminação está sempre presente no mundo, e do mesmo modo como os Budas surgiram nos ciclos passados do mundo, também os Iluminados surgem no presente ciclo e poderão surgir em futuros ciclos, enquanto houver condições adequadas para vida orgânica e consciente.

A flor de lótus é venerada em várias tradições religiosas e filosóficas, sendo considerada como símbolo da pureza e do despertar espiritual.

O lótus nasce no lodo, onde se desenvolve, e floresce quando atinge a superfície da água, mantendo-se intocado pela sujeira. Assim também, o ser humano tem a capacidade de crescer, desenvolver-se e manifestar toda sua força interior apesar do ambiente onde nasce e vive, que muitas vezes lhe é desfavorável.

Na tradição egípcia o lótus é representado como a planta sagrada pertencente ao mundo dos deuses. Um dos mais interessantes relatos da mitologia egípcia sobre a origem do mundo diz que na aurora do tempo, uma flor de lótus, com as pétalas fechadas, flutuava nas trevas. Entediada com o vazio, a flor pediu ao deus Sol Ra que criasse o universo. Agradecida pelo desejo realizado, a flor passou a abrigar o deus Sol em suas pétalas durante a noite, de onde ele saía ao amanhecer para iluminar a sua criação.

Na Índia o lótus está relacionado à criação do mundo. De acordo com as escrituras hindus, foi do umbigo do deus Vishnu que teria nascido uma brilhante flor de lótus, e dela surgido outra divindade, Brahma, o criador do mundo. Nas gravuras hindus, deuses costumam aparecer em pé ou sentados sobre a flor.

A tradição budista nos relata que quando Buda tocou o solo e deu seus primeiros sete passos, sete flores de lótus cresceram. Representando assim, que cada passo do buscador da Verdade é um ato de expansão espiritual. Tanto que o conhecimento espiritual supremo é comparado ao florescimento do lótus de mil pétalas existente no chakra coronário, no alto da cabeça. O lótus é o símbolo da expansão espiritual, do sagrado, do puro.

Na tradição mística os centros de consciência existentes no corpo humano (chakras) estão representados por flores de lótus. Tanto que o conhecimento espiritual supremo é comparado ao florescimento do lótus de mil pétalas existente no chakra coronário, no alto da cabeça.

A semente de lótus pode ficar mais 5.000 anos sem água, à espera da condição ideal de umidade para poder germinar. Assim também, a semente do Divino está a espera de ser cultivada por nós para que se desenvolva e manifeste toda a espiritualidade existente em nosso interior.

“Que o nosso lótus interior possa florescer e ser iluminado pelo Sol Espiritual para que possamos perfumar o mundo com os mais nobres sentimentos.”

A cor do lótus tem uma influência importante sobre a simbologia associada a ela:

Lótus Branca: Esta representa o estado de perfeição espiritual e mental total pureza e proclama a sua natureza perfeita, uma qualidade que é reforçado pela cor de seu corpo.

Lotus Rosa: Este supremo do loto, geralmente reservada para os mais altos deidade. Assim, naturalmente, é associada com o Grande Buda.

Lótus Vermelha: Isto significa a natureza original e pureza do coração (hrdya). É o loto de amor, compaixão, paixão e todas as outras qualidades do coração. É a flor de Avalokiteshvara, o Bodhisattva da compaixão.

Lótus Azul: Este é um símbolo da vitória do espírito sobre os sentidos, e significa a sabedoria do conhecimento. Não é surpreendente que as flores preferidas de Manjushri, o Bodhisattva da sabedoria.
*NAMASTÊ*

LISTA DE CURA "ESTRELA SOLAR"

PARA PARTICIPAR DA CURA E ENERGIZAÇÃO À DISTÂNCIA, ESCREVA O SEU NOME COMPLETO, DATA DE NASCIMENTO E A CIDADE ONDE RESIDE E FAÇA O SEU PEDIDO.

VOCÊ PODE PEDIR AJUDA PARA SI, UMA PESSOA AMIGA, UM FAMILIAR, PELA HUMANIDADE OU PELO PLANETA.

LISTA DE CURA E ENERGIZAÇÃO


















Postagens Populares

SIGA ESTE BLOG E FAÇA PARTE DESSA FAMÍLIA DE LUZ.